Cases

Camiseteria aposta em concursos e abre modelo de negócio para designers do segmento têxtil

Criado há dez anos, o e-commerce Camiseteria.com é expoente no mercado de camisetas e acessórios têxteis com design colaborativo feitas sob demanda, o que abriu portas para designers. Isso porque eles submetem estampas à escolha do público, em votação pela internet, e podem ter suas criações reproduzidas e comercializadas. Além do ganho de visibilidade, principalmente em começo de carreira, os profissionais recebem percentual do valor base do produto e do valor unitário de venda. Produtos da categoria não vestuário como capas de celular e mochilas revertem comissão de 4% sobre o valor de venda.

Quinzenalmente são selecionados até oito estampas e a competição é acirrada logo no começo. Se após dois dias de votação ou 45 votos o desenho não atingir nota mínima de 1,5, ele poderá ser arquivada. “Produzimos apenas camisetas com as criações que recebem a melhor avaliação por período, pois são essas que o nosso público vai querer usar”, explica o designer Rodrigo David, um dos sócios do negócio ao lado do também designer Tiago Teixeira e o analista de sistemas Fabio Seixas.

Para se dar bem, é preciso seguir algumas regrinhas. A estampa não pode conter material ofensivo ou registrado, não deve sobrepor as áreas de costura e deve ser escalonável, permitindo a produção de camisas com tamanhos diferentes. Há também orientações de cores de malha disponíveis para evitar que a ilustração seja rejeitada e quanto ao formato do arquivo. Interessante é que mesmo após a aprovação para produção, o designer pode comercializar a sua criação, desde que não seja para uso em peças de roupas e acessórios.

17

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *